Como foi a Feira do Empreendedor do Sebrae SP

Feira-do-Empreendedor-Sebrae-2016
Moby-click-apresentacoes

A crise assombra muita gente. O momento que o Brasil vive no âmbito financeiro e político tem deixado muitos indivíduos apreensivos e há aqueles que estão cada vez mais preocupados com o futuro. Bom, mas nisso há uma boa notícia: ninguém quer ficar de braços cruzados.

A Feira do empreendedor do SEBRAE em SP mostrou que o Brasil não está disposto a deixar esse momento de instabilidade tomar conta. Contrariando as expectativas, esse foi o ano com mais visitantes e a edição com mais negócios fechados.

Os empreendedores que estavam com seus stands avaliaram a feira como um ótimo pólo para fazer negócios ou prospectar parceiros. Segundo o site oficial da feira, uma grande quantidade de expositores já confirmou a presença para 2017, graças ao bom resultado alcançado.

Os números falam mais alto

Os organizadores do evento contabilizaram cerca de 130 mil visitantes durante os 4 dias de realização. Mais de 83% eram pessoas físicas que estavam em busca de informações e de novas oportunidades. Quase 10% a mais que no ano de 2015.

Alguns empreendedores relataram que a grande maioria estava em busca de uma forma de driblar a crise. Alguns visitantes iam para solucionar a falta de emprego e outros para garantir um negócio próprio em caso de demissão. Sem dúvidas, a crise foi o tema principal entre as conversas e fechamento de negócios.

Para os expositores, esse foi o publico mais qualificado desde o inicio da feira. Quem foi ao evento gostaria realmente de conversar e encontrar um negócio ou uma oportunidade interessante. Por isso, cerca de R$ 15,5 milhões de reais foram movimentados em contatos.

Há ainda o “pós-evento” que garante resultados positivos. Alguns empreendedores garantiram que a Feira do Empreendedor do SEBRAE gerou agendas cheias para reuniões até abril. Isso mostra que os efeitos foram surpreendentes.

O sistema de franquias foi o campeão de audiência. Haviam muitos tipos de idéias empreendedoras nesta modalidade. Desde pequenos negócios, com valores modestos, até franquias maiores e já renomadas. Além disso, não faltavam opções de mercado.

A feira para todos

Para quem estava em busca de algo pequeno, o cadastramento para ser MEI (micro empreendedor individual) estava sendo feito na hora. Uma ótima oportunidade para quem gostaria de se formalizar.

Vale também dizer que a feira possuía muitos agentes disponíveis para tirar dúvidas. Os assuntos mais procurados variavam entre expectativa de mercado, linhas de credito e formalização.

Comentários

Ronnie Magalhães

Pós-graduando em Empreendedorismo e Novos Negócios pela Business School São Paulo. Bacharel em Publicidade e Propaganda pela Universidade Anhembi Morumbi, com especialização em E-commerce e Projetos Web.

Possui conhecimentos e habilidades em planejamento e desenvolvimento de planos de comunicação, estratégias de relacionamento e gestão de canais em mídias sociais, gerência e controle de campanhas, análise e mensuração de resultados. Experiência na integração de projetos com Analytics, Search Engine Marketing, Search Engine Optimization. Certificado Google Advertising Professional.

Newsletter

Newsletter Eu Herói- Cadastre-se

Parceiros

  • Banner-Moby-Click-Apresentacoes.jpg
  • Publicidade-Google-Adwords.jpg
  • Banner-QualificaSP-Curso-Empreendedorismo.png