Netflix – Conheça a história dessa empresa de sucesso

netflix-7
Moby-click-apresentacoes

Quem nunca ouviu falar de House of Cards, Orange is the New Black, Stranger Things ou Narcos provavelmente nunca ouviu falar de Netflix, porque não tem como não associar qualquer um desses seriados com a empresa, que depois de investir muita grana em conteúdo próprio, desbancou várias empresas que tentaram vender o mesmo tipo de serviço e incomoda há algum tempo a tv fechada. São novos tempos meu caro.

Mas vamos falar do que importa, vamos falar de Netflix, a começar por sua essência:

“Centrada no consumidor, faz tudo por sua conveniência”

Um pouco de história

A Netflix é uma empresa americana que foi criada por Marc Randolph e Reed Hastings em 1997, na Califórnia. No início era bem parecido com uma uma locadora de bairro, mas em pouco tempo passou a ser um sistema de uma assinatura mensal fixa, no qual os clientes tinham acesso a um catálogo muito maior do que o de qualquer loja de bairro, pois não havia mais a limitação de espaço.

Em 2005, já tinha 4,5 milhões de assinantes e enviava mais de 1,5 milhão de DVD’s pelos correios por mês. Eles foram os principais responsáveis pelo crescimento dos Correios naquele período. E com isso, começaram a incomodar a Blockbuster.

Já em 2007 a Netflix comemorou mais de 1 bilhão de DVD’s alugados. Foi neste mesmo ano que eles começaram a fazer os testes com a tecnologia de streaming, sendo uma das primeiras empresas a fornecer este tipo de serviço, que revolucionou a maneira de desfrutar entretenimento. A empresa que já era sócia do correio passou a ser a maior fonte de tráfego online.

Desde 2009, os assinantes da Netflix podem assistir online a filmes e séries em diversos aparelhos como smartphones, computadores, tablets, televisores e videogames.

Porém, seu verdadeiro salto aconteceu em 2013, quando a companhia se aventurou pela primeira vez na produção de conteúdo. Isso foi o grande diferencial da Netflix em relação à uma empresa de transferência de dados. E para garantir o sucesso, agiu como os grandes estúdios de Hollywood e não poupou recursos para sua superprodução investindo mais de 100 milhões de dólares por duas temporadas de “House of Cards”, que levou três Emmys para casa e ajudou a Netflix a conseguir 10 milhões de assinantes em 10 meses, atingindo a marca dos 40 milhões em outubro de 2013.

netflix-4

Como uma tevê personalizada, a plataforma identifica as preferências de cada cliente, disponibiliza seus programas favoritos na página inicial, sugere outros com características semelhantes e retoma uma série do episódio em que ele parou.

Hoje a Netflix conta com mais de 50 milhões de assinantes distribuídos em quase 50 países que assistem, mensalmente, a mais de um bilhão de horas de filmes, séries de TV e produções originais, com uma receita estimada em 6 bilhões de dólares.

netflix-5

Seu fundador e presidente-executivo, Reed Hastings, contudo, sabia que esse negócio era temporário. A expectativa era que, em cinco anos, os discos digitais fossem substituídos pela transmissão via internet, chamada de streaming. Demorou o dobro do tempo, mas o Netflix soube usar a tecnologia a seu favor. Quando a Blockbuster resolveu entrar no segmento de streaming, em 2011, o Netflix já estava inteiramente focado nisso, construindo uma estrutura virtual, enxuta e hábil em negociar com os grandes estúdios. Em seis anos, conquistou mais de 40 milhões de assinantes no mundo todo.

Resumindo

  1. A ideia por trás da Netflix veio em 1997, depois que o CEO foi cobrado em 40 dólares pelo atraso de uma cópia
  2. VHS do filme Apollo 13.
  3. A Netflix teve seu início um pouco antes da Google. Ela foi estabelecida como um serviço de assinatura em 1997. A Google foi fundada em 1998.
  4. Em 2000, a  Netflix foi oferecida à Blockbuster por 50 milhões de dólares. A empresa de aluguel de vídeo, que decretou falência em 2010, recusou a oferta. A Netflix vale atualmente 20 bilhões de dólares, e está muito viva.
  5. A receita da empresa é estimada em 6 bilhões de dólares.
  6. A Netflix está disponível em quase 50 países.
  7. O mercado com maior crescimento é o da América Latina.
  8. Há um registro de 57,4 milhões de assinantes exclusivos Netflix online (a partir de janeiro de 2015). Como uma assinatura permite que várias pessoas assistam à Netflix, o número de usuários reais é muito maior.
  9. Nos Estados Unidos, por exemplo, a Netflix supera a TV a cabo com 33 milhões de assinantes.
  10. É também o maior contribuidor para o tráfego da internet em muitos países. Nos Estados Unidos, isso equivale a quase um terço durante o horário nobre.
  11. A média dos assinantes da Netflix gira em torno de 90 minutos por dia.

 

netflix-3

Comentários

Ronnie Magalhães

Pós-graduando em Empreendedorismo e Novos Negócios pela Business School São Paulo. Bacharel em Publicidade e Propaganda pela Universidade Anhembi Morumbi, com especialização em E-commerce e Projetos Web.

Possui conhecimentos e habilidades em planejamento e desenvolvimento de planos de comunicação, estratégias de relacionamento e gestão de canais em mídias sociais, gerência e controle de campanhas, análise e mensuração de resultados. Experiência na integração de projetos com Analytics, Search Engine Marketing, Search Engine Optimization. Certificado Google Advertising Professional.

Newsletter

Newsletter Eu Herói- Cadastre-se

Parceiros

  • Banner-Moby-Click-Apresentacoes.jpg
  • Publicidade-Google-Adwords.jpg
  • Banner-QualificaSP-Curso-Empreendedorismo.png